10º BPM realiza solenidade de passagem de comando da Unidade

Campo Grande (MS) – Na manhã desta segunda-feira (16), foi realizada a solenidade de passagem de comando do 10º BATALHÃO DE POLÍCIA MILITAR, que passou do Tenente-Coronel Emerson de Almeida Vicente, para o Tenente-Coronel Elcio Almeida. O evento foi presidido pelo Comando de Policiamento Metropolitano (CPM), através do Coronel Wilson Sérgio Monari e ocorreu no auditório da Escola do Sistema Único de Assistência Social (SUAS-MS), Mariluce Bittar e contou com a presença do Comandante Geral da PMMS, Coronel Waldir Ribeiro Acosta e de outras autoridades civis e militares.

O Tenente-Coronel Almeida esteve a frente do Comando do 10º BPM durante dois anos e seis meses e sob sua gestão foi priorizado o reforço do policiamento ostensivo preventivo, com enfoque na filosofia de Polícia Comunitária, com o objetivo principal de coibir o cometimento de crimes, transgressões e ilícitos penais na Região Urbana do Anhanduizinho, proporcionando maior sensação de segurança para a população local.

No período foram intensificadas as rondas em áreas consideradas mais problemáticas, sendo ampliado também o número de Operações Blitze, administrativas e de bloqueio, de forma a fazer com que a ação presença da Polícia Militar se intensificasse, inibindo a atividade de criminosos. Segundo o Tenente-Coronel Almeida essas intervenções são de fundamental importância, pois aqueles indivíduos que estão com intenção de cometer crimes terminam por conter seus intentos, uma vez que a maior percepção da presença policial faz com que se sintam receosos de se depararem com alguma Operação e serem flagrados portando armas, drogas ou materiais e veículos que produtos de roubo ou furto: “São ações de extrema relevância, pois a principal atribuição da Polícia Militar vai no sentido de impedir que os crimes aconteçam e que a ordem pública seja preservada, algo que se torna mais eficaz conforme as pessoas percebam o policiamento sendo executado em diferentes frentes de ação”, complementa o Tenente-Coronel.

Nos últimos anos foram também reforçados os canais de diálogo com os diversos setores da sociedade, por meio dos Conselhos Comunitários e de coleta de informações com moradores e comerciantes sobre as características de cada local, para que o planejamento acerca dos trabalhos a serem realizados fosse desenvolvido no sentido de contemplar as diferentes demandas existentes.

Segundo o Tenente-Coronel Almeida, “a área do 10º BPM contém diversos contrastes, apresentando tanto locais de tranquilidade como áreas mais complexas, onde se verifica maior incidência de ocorrências, o que requer atenção redobrada, para que a população possa realizar suas atividades de forma a correr menos riscos”. Outra preocupação permanente no período da gestão que se encerra diz respeito à prisão de foragidos da justiça, pois que são indivíduos com maior propensão ao cometimento de roubos e furtos, e quando estes autores são capturados terminam, ao menos temporariamente, impedidos de agir, algo essencial para que a área se torne mais segura.

Em sua despedida o Tenente-Coronel Almeida desejou sorte ao novo Comandante, afirmando que o período passado à frente do 10º BPM foi muito enriquecedor tanto do ponto de vista pessoal como do profissional, pois se trata de uma Unidade que contempla áreas muito peculiares, o que exige o máximo da dedicação para que os resultados positivos possam aparecer. O Tenente-Coronel fez questão de agradecer a toda tropa, enfatizando que se trata de um efetivo policial do mais alto nível de competência, que a despeito das dificuldades existentes, se dedica ininterruptamente a cumprir suas funções da forma mais eficaz possível, demonstrando elevado grau de comprometimento no sentido de tornar melhor a vida da população.

O novo Comandante da Unidade, Tenente-Coronel Elcio, manifestou entusiasmo com a nova missão, garantindo que dará prosseguimento aos trabalhos realizados, e que buscará maneiras de possibilitar cada vez mais um ambiente de tranquilidade para a sociedade, por meio da permanente realização de levantamentos e análises que permitam o monitoramento da região, fazendo com que eventuais alterações possam ser detectadas, levando a readequações constantes na forma de se realizar o policiamento, visando maior efetividade no combate ao crime: “Me sinto honrado em poder comandar o 10º BPM e tenho certeza de que vou corresponder as expectativas e poder contribuir para que os trabalhos sejam realizados com cada vez mais efetividade e competência. Vamos manter esses canais de diálogo com a sociedade, tornando a instituição PMMS mais próxima dos cidadãos, para que estes possam também colaborar com o bom andamento do policiamento”, afirmou.